5 (100%) 1 vote

Muitas informações são divulgadas nas redes sociais e bate papos em academias, criando vários mitos que precisam ser desmitificados de modo a garantir uma boa saúde a todos. Abaixo reunimos alguns mitos e verdades sobre alimentação saudável para que você abra seus olhos sobre a forma como se alimenta, aqui estão eles:

Comer os mesmos alimentos, sem variar o cardápio pode trazer algum dano à saúde? Verdade                 

A ingestão dos mesmos alimentos sem variação não irá fornecer todos os nutrientes essenciais ao corpo, uma vez que cada alimento conte vitaminas e minerais específicos, ao mesmo tempo em que apresenta deficiência de determinados nutrientes, os quais estão presentes em outros alimentos. Por isso variar é importante na alimentação.

O Ovo aumenta o colesterol? Mito

O ovo, por conter em sua gema aproximadamente 213 mg de colesterol, foi considerado um vilão da dieta e sua recomendação foi limitada durante muito tempo. Contudo, estudos científicos comprovam que as doenças cardiovasculares estão mais relacionadas com as complicações hereditárias e maus hábitos alimentares, como ingerir gorduras saturadas, principalmente as trans, do que com os níveis de colesterol dos ovos.

Batata doce auxilia na redução de gordura abdominal? Verdade

A batata doce é um alimento de baixo índice glicêmico, quando consumida eleva lentamente a glicose sanguínea, e com isso, o organismo produz insulina aos poucos. A insulina é o hormônio que impede a quebra de gordura e facilita o seu acumulo na região abdominal.

Alguns alimentos ajudam a controlar os níveis de glicose no sangue auxiliando o tratamento do diabetes? Verdade

Isso por conta do Índice Glicêmico (IG) dos alimentos, quando um alimento tem o índice glicêmico baixo, ele retarda a absorção da glicose pelo sangue e, portanto, estabiliza a doença. Mas, quando o índice é alto, esta absorção é rápida e acelera o aumento das taxas de glicose no sangue.

Pimenta emagrece e melhora o humor? Verdade

A pimenta é considerada um alimento termogênico – quando se ingere algo apimentado tem-se um gasto energético aumentado. A pimenta vermelha contém uma substância chamada de capsaicina, já pimenta do reino, a piperina, e ao ingerir umas das duas se ativa os receptores na língua e na boca. Os mesmos uma mandam mensagem para o cérebro que acredita que a boca esteja “pegando fogo”, para salvar esse “incêndio”, começa o processo de salivação que dá sensação de alívio da queimação, o cérebro produz endorfina que permanece por um bom tempo circulante no sangue. Com isso, vem a sensação de bem-estar e, também, melhora dores de cabeça e enxaqueca.

Esperamos que esse artigo tenha cessado suas dúvidas sobre alimentação saudável, nos restaurantes do Grupo Nono Miquele temos grande preocupação com a sua saúde!